Bio

Minha História

Nascida no Nordeste do Brasil e radicada em São Paulo, Ana Leal é uma artista que trabalha principalmente com fotografia, considerando-a uma ferramenta tanto para retratar quanto para fugir da realidade.

UM POUCO MAIS

Inspirada nas tradições minimalistas e nos pintores impressionistas, suas imagens resultam simples, geométricas e muitas vezes abstratas. Ela considera seu trabalho autobiográfico e essas abstrações podem ser vistas como autorretratos. Fotografando a maior parte do tempo com lentes de 50 mm, ela captura imagens que observa, encena ou edita para convidar os espectadores a entrar em seus labirintos internos. Este é o uso da câmera para envolver, refletir e compartilhar sensações e sentimentos, é a melhor maneira que ela encontrou de ultrapassar os limites da fotografia transformando-a em um diário visual.

Depoimento da Artista

Nascida no Nordeste do Brasil e radicada em São Paulo, sou uma artista que trabalha principalmente com fotografia. Considero a fotografia uma ferramenta tanto para retratar quanto para fugir da realidade.

Inspiradas nas tradições minimalistas, assim como nos pintores impressionistas, minhas imagens são simples, geométricas e muitas vezes abstratas. Vejo meu trabalho como autobiográfico e essas abstrações podem ser vistas como autorretratos. Como ser humano, estou sempre em um caminho evolutivo e meus projetos refletem onde estou em um determinado período de tempo.

Eu uso a câmera para envolver, refletir e compartilhar sensações e sentimentos. É uma conversa entre mim, meus sentidos e a câmera como ferramenta. É a minha maneira de ultrapassar os limites da fotografia e criar um diário visual. Eu também permito que minhas imagens interajam umas com as outras. Colocar imagens lado a lado cria um diálogo entre elas levando a novas narrativas. É muito importante para mim que as imagens tenham esse diálogo constante. Muitas delas se apresentam autônomas, no entanto, a dinâmica de colocá-las em dípticos, trípticos ou em uma montagem é parte integrante da minha prática. Eu fotografo de forma digital e analógica e na maioria das vezes com lentes de 50mm.

Espero oferecer um espaço introspectivo ao meu público através do meu trabalho.

Reconhecimento

Leal é vencedora do Gold Award no Tokyo International Foto Awards 2020 e do 15º Julia Margaret Cameron Award, ambos na categoria abstrata. Ela também recebeu Medalha de Bronze no ND Awards 2021 e Menção Honrosa no IPA 2021, Rotterdam Photo 2021, Prix de La Photographie Paris 2019 e The 15th Pollux Awards. Completou seu Master of Fine Arts na Miami International University of Arts and Design (2018), e o Curso de Fotografia Profissional da Escola Pan-americana em São Paulo (2013).

Newsletter

pt_BR